Safra de verão foi uma das maiores, aponta Emater
07/03/2018 - 8h47 em EMPRESARIAL

A Emater anunciou hoje, durante a Expodireto Cotrijal, feira agropecuária que encerra na sexta-feira, 9, em Não-Me-Toque, o levantamento sobre as condições das lavouras da safra de verão 2017/2018. Segundo os números preliminares, houve redução no total da área cultivada no Estado e na produção referente a algumas culturas, entretanto, a produtividade manteve-se elevada. A safra de verão 2017/2018 deverá alcançar uma produção de 30,2 milhões de toneladas, o que causará um impacto econômico no valor bruto superior a R$ 27 bilhões. Com a confirmação desses números, esta será a segunda maior safra de verão do RS.

O feijão 1ª safra apresentou redução de 3,2% na área total. O milho grão, redução de 3% para a área total plantada no Estado (721,6 mil hectares área atual). A cultura da soja, como era esperada, apresentou um saldo positivo em todos os aspectos, aumento da área cultivada, expectativa de produção e produtividade. A área total plantada no RS subiu 0,13%, registrando 5,7 milhões de hectares. A produção aumentou em 2,19%, gerando uma expectativa atual de 17,1 milhões de toneladas. A produtividade também teve um crescimento em comparação à estimativa inicial. Com 2,04% de aumento, a expectativa de produtividade média no Estado na soja é de 2,9 mil kg/ha.

Na sexta, a Expodireto deve divulgar o balanço da feira. No ano passado ela reuniu cerca de 240 mil visitantes e projetados em R$ 2,1 bilhões em negócios.

Fonte: Folha do Noroeste

COMENTÁRIOS